Por trás da Capela de São Pedro dos Pesacadores, uma pequena enseada é ponto de descanso e alimentação de tubarões. Na maré cheia, por sorte, é possível ver os animais entrando e saindo da enseada. Mesmo não os encontrando, não desanime. A vista é de tirar o fôlego.