O nome é de corredor de Fórmula 1, mas em Fernando de Noronha Patrick Tamberg (foto acima) é sinônimo de surfe. O atleta, profissional das ondas, será um dos condutores da Tocha Olímpica no próximo domingo (5). O jovem fez as primeiras manobras no mar da ilha e tem um currículo de respeito. Patrick consagrou-se campeão  do torneio Red Bull, realizado em Noronha e que contou com os 18 melhores  surfistas  com até 21 anos  do Brasil.  Tamberg também foi campeão  do potiguar  mirim e  conquistou título no torneio de  melhor  manobra  do Rip Curl  Groam Seach.

O atleta já venceu quatros vezes o campeonato noronhense, foi finalista da etapa  do Campeonato Nordestinoprofissional, finalista do Campeonato Catarinense  e ainda conquistou duas vezes consecutivasl a  etapa  do Campeonato Nordestino  profissional  em Fernando  de Noronha. Patrick participou por três anos da elite  do surfe e brasileiro que conta com  onde os 44 melhores  surfistas  do Brasi.

O menino de Noronha já percorreu o mundo e deslizou nas ondas no  Tahiti, Havaí, África, Escócia, Indonésia, Peru, Austrália, Chile, entre outros países, mas conduzir a tocha das Olímpiadas do Rio na ilha tem uma emoção especial. “Estou bastante  feliz  em  fazer  parte desse grupo  escolhido para conduzir a tocha.   Será  um momento  único  que vai entrar  na história  do Brasil  e principalmente  de Noronha.  Meus  filhos e netos  vão  poder  chegar um dia e ficar  orgulhosos  da família  Tamberg”, afirmou o atleta.

Segunda-feira, 30/05/2016, às 08:36, por Ana Clara Marinho.

Fonte: Clique aqui.