O barco pernambucano Patoruzu foi o primeiro veleiro a chegar à ilha neste domingo (30), e conquistou o troféu Fita Azul da Regata Recife-Fernando de Noronha (Refeno). A embarcação fez o percurso de 300 milhas náuticas (cerca de 545 quilômetros) em 25:58:12.

É a primeira vez que o veleiro de Pernambuco conquista a prova, que em 2018 chega a trigésima edição. O comandante do Patoruzu é Higino Luís Araújo Marinsalta Filho e o barco conta com seis tripulantes.

O veleiro Kat, da família Schurmann, está em segundo e deve chegar à Noronha nas próximas horas. A largada da Refeno foi nesse sábado (29), no Marco Zero do Recife. Ao todo 61 embarcações inscreveram-se na regata, até o momento há o registro duas quebras de veleiros. A premiação dos vencedores é na próxima quarta-feira (3), no Museu dos Tubarões.