Nesta segunda-feira (27), teve início a primeira etapa do Projeto “Sorrir Noronha” (foto acima). Até sexta-feira (31), os pacientes selecionados previamente estão sendo atendidos no Hospital São Lucas pelo cirurgião-dentista, Ullins Palma. Nesta fase serão examinados 14 moradores da ilha que podem receber a doação de até 28 próteses. “Estão sendo priorizados idosos e pessoas carentes, sem condições de acesso a esse tipo de tratamento”, explicou o dentista.

O trabalho é feito em parceria pela a Organização Não Governamental Noronha Eu Amo Eu Cuido, Administração do Distrito e o especialista. O dentista Ullins Palma é da Bahia e faz trabalho voluntário desse tipo do estado de origem. Além do atendimento, Palma banca a confecção das  próteses, um custo que pode chegar a seis mil reais.

“É a segunda vez que realizo o trabalho em Fernando de Noronha, é muito gratificante para mim, eu já faço essa ação na Bahia e realizar a atividade na ilha é uma experiência que me enriquece bastante”, falou Ullins Palma.  “Esse trabalho é importante porque possibilita a reabilitação oral dos pacientes e facilita a mastigação, a deglutição e a volta do sorriso, que abre portas”, afirmou  gestora de Saúde Bucal da Administração do Distrito, Ieda Araújo.

Para os pacientes a ação melhora a qualidade de vida. “Eu uso duas próteses há 10 anos, nunca mudei, elas estão com problemas, eu não como direito. Nãotenho condições de comprar dentaduras novas, esse trabalho é muito bom”, analisou o pedreiro Severino João da Silva, que foi atendido nesta segunda-feira. A previsão do dentista é entregar as próteses no próximo mês de julho.

Fonte: http://g1.globo.com/pernambuco/blog/viver-noronha/post/especialista-faz-atendimento-dos-moradores-de-fernando-de-noronha-que-vao-receber-doacao-de-proteses-dentarias.html