Os moradores e comerciantes de Fernando de Noronha já podem acompanhar e gerenciar o consumo diário de energia elétrica pela internet. A ferramenta implantada de forma experimental na pela Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) está disponível para 816 imóveis onde foram instalados medidores bidirecionais (capazes de medir a entrada e saída de energia). A tecnologia integra o Projeto de Redes Elétrica Inteligentes (REI) , que segundo a empresa pode futuro expandida para as demais áreas do Estado. O acesso remoto das informações possibilita aos consumidores planejar e controlar o consumo de energia elétrica. No  portal o cliente tem a oportunidade de estabelecer uma meta de consumo mensal, verificar a evolução diária do que está sendo consumido, além de receber mensagens de alerta, caso esteja próximo de ultrapassar a meta estabelecida. O Projeto REI também implantou um sistema de telecomunicação na ilha, com tecnologias de fibra ótica, rádio frequência em banda livre, PLC e satélite com equipamentos projetados especialmente para uma administração precisa das redes elétricas. A modernização também apresentou uma significativa evolução na automação do sistema.

A rede automatizada possibilita operacionalizar o sistema à distância e obter informações de ocorrências no fornecimento. A tecnologia permite a realização de manobras automáticas e propõe soluções de reconfiguração para isolar a causa e restabelecer o abastecimento em menor tempo. O projeto estimula o uso de microgeração distribuída, que segundo a Celpe  contribui com diversificação da matriz energética da ilha. Nove sistemas de captação de energia solar foram implantados em Fernando de Noronha em unidades residenciais, comercial, órgãos do poder público e organizações não governamentais, sendo um deles com baterias para o armazenamento de energia. A partir desse piloto, a Celpe incentiva os consumidores de Noronha a gerar a própria energia e a realizar o consumo mais eficiente, contribuindo com a sustentabilidade, com o uso de energias renováveis.

Fonte: http://g1.globo.com/pernambuco/blog/viver-noronha/post/clientes-de-fernando-de-noronha-podem-acessar-consumo-de-energia-pela-internet.html